Conscendo Sodalitas

Maçonaria - Grupos Mundiais

"Eu (nome), juro e prometo, de minha livre vontade e por minha honra e pela minha fé, em presença do Grande Arquiteto do Universo e perante esta assembléia de maçons, solene e sinceramente, nunca revelar qualquer dos mistérios da maçonaria que me vão ser confiados, senão a um legítimo irmão ou em loja regularmente constituída; nunca os escrever, gravar, imprimir ou empregar outros meios pelos quais possa divulgá-los. Se violar este juramento, seja-me arrancada a língua, o pescoço cortado e meu corpo enterrado na areia do mar, onde o fluxo e o refluxo das ondas me mergulhem em perpétuo esquecimento, sendo declarado sacrilégio para com Deus e desonrado para os homens, Amém"

Juramento do candidato à membro, pronunciado durante o rito maçon escocês


Quando nos referimos aos 'grupos mundiais', estamos mencionando aqueles que realmente influenciam as políticas na esfera global, a grande maçonaria dos países desenvolvidos. As principais 'Grand Lodges' se situam na Inglaterra, Escócia, Estados Unidos, Alemanha e em outros países da Europa e do dito 'Primeiro Mundo'.

Os objetivos dos maçons iniciais, na fase especulativa, foram pouco a pouco sendo deturpados, à medida que oportunistas de outros grupos secretos, de intenções negativas, passaram a integrar seus quadros. Os membros illuminati, do Comitê dos 300 e de outras Ordens iniciáticas perceberam a vantagem de cooptar membros maçônicos para a sua causa.

Principalmente para os illuminati, a maçonaria se mostrava 'um prato feito' para a ampliação de suas garras, uma vez que contava com inúmeros membros de poder e prestígio, que poderiam ser úteis para a concretização de seus intentos. Aproveitaram as divisões em graus, adotada pelos maçônicos e trataram de dominar os níveis maçônicos mais altos, precisamente dos 31º ao 33º graus, tornando-os restritos aos membros de notório poder econômico, político ou midiático, que compartilhavam as mesmas idéias. Essa cúpula tratou de disfarçar os seus objetivos lupinos, com uma aura de bondade e puras intenções, guiando os incautos adeptos maçônicos de graus inferiores, por caminhos obscuros. Arranjaram uma forma prática de engabelar os menos graduados maçons, aqueles que não se encontram ou nunca estarão aptos a assimilar sua maléfica linha de pensamentos, levando-os a praticar atos amorais, sob o pretexto de estarem fazendo o bem.

Nesse contexto, alguns desses noviços se postam a favor das falsas 'guerras justas' e colaboram midiaticamente ou monetariamente com elas ou mesmo votam favoravelmente a elas em suas assembléias legislativas natais. Escolhido o alvo, a mídia trata de escarnecê-lo e de difamá-lo e o poderio econômico e/ou militar trata de finalizar o processo.

Na verdade, pouquíssimos são aqueles que conseguem chegar aos três últimos graus da maçonaria, pois para tal, é necessário, além de ser dotado de extremo poder, estar de acordo com as idéias de dominação, propostas pela 'Nova Ordem Mundial' e com a assertiva de que 'os fins justificam os meios'.

Nesses níveis, também são praticados rituais de alta magia negra, tanto a ritualística, quanto a tântrica.

Conscendo Sodalitas


Súplica por Gaia

Nós, fráteres da Conscendo, sentímo-nos compelidos a expressar nossos desejos com o mental concreto e detalhar o que o causal suplica em sua pureza abstrata(continua)

Conscendendum

Há milênios, verdades importantíssimas e essenciais vem sendo ocultadas da humanidade. Uma humanidade sofrida, condicionada e hipnotizada pelos falsos valores (continua)

Planeta Conscendo

Existe, nesse mesmo instante, um planeta nos aguardando, um mundo do futuro já moldado pelo poder mental criador do Logos e de todos, que só não nos é acessível, pois ainda (continua)