Conscendo Sodalitas

Illuminati - Objetivos e Métodos

O objetivo dos IlIuminati é o controle total do mundo. As únicas nações, que ainda oferecem alguma resistência contra o seu poder, são uns poucos países islâmicos, mas esta oposição é limitada porque os Illuminati têm a inconteste força esmagadora do poder econômico.

Existem certos métodos de dominação e controle que são indispensáveis a este poder. O primeiro é, naturalmente, o controle completo sobre todos os sistemas financeiros, todos os empréstimos contraídos e concedidos. Todos os bancos, todas as empresas de construção, todas as empresas de seguros têm que estar sob seu controle. No nível mais baixo, até o mais pequeno banco é forçado a seguir a linha. Um fato interessante e surpreendente é que tanto o Federal Reserve, quanto o Banco da Inglaterra, são bancos privados, controlados por essas dinastias dos Illuminati, apesar de os nomes desses bancos sugerirem que eles sejam estatais. Abraão Lincoln e John Kennedy queriam mudar este sistema.

O segundo componente essencial é o controle da mídia. Esse controle é exercido por meio do modismo. Se a mídia sugere que uma reunião do conselho, ou uma reunião da direção, ou uma reunião de vendas, ou uma reunião de formação deve ser efetivada de uma determinada maneira, que vai apresentá-las de forma diferente? Existe uma ameaça implícita ao próprio trabalho e à carreira de cada um. Poucas pessoas farão algo diferente, face a ameaça do rebaixamento ou demissão, e a maioria das pessoas é tão ambiciosa, que vai faz quase qualquer coisa, para agradar os seus superiores. É assim que as empresas e os negócios são controlados pelos meios de comunicação, e é a parte mais importante, pois trata-se de controlar a mente das pessoas. As pessoas são muito sugestionáveis e os Illuminati sabem disso, e usam esse fator de influência, ao máximo. O movimento chave de Lênin, durante a revolução russa, foi a invasão e captura da estação de rádio de Moscou.

O terceiro fator no sistema de controle, é a infiltração nas universidades, e através delas, em todo o sistema educativo. Esforço especial é dedicado às escolas de sociologia, política, economia e educação, as ditas "liberais". As universidades estão subjugadas pelos capachos da ordem, que lá trabalham, bem como pelas grandes empresas, que ficam credoras, depois das polpudas doações. A partir daí, espalham sua influência para o ensino secundário e primário.

O quarto fator é a enorme influência, exercida por duas organizações similares, o Conselho de Relações Exteriores, dos EUA e do Instituto Real de Assuntos Internacionais, da Inglaterra. Estas instituições são as escolas de estadistas Illuminati. Elas são a razão da existência de homens como Henry Kissinger, Zbigniew Brzezinksi e Carrington Senhor. Essas duas instituições "think tank" têm uma influência crucial em todos os governos dos EUA e do Reino Unido, não importando qual partido esteja "no poder". Os estadistas, produzidos por essas instituições, decidem o destino de nações inteiras. As fundações beneficentes, isentas de impostos, são também instrumentos de poder dos Illuminati. A Fundação Ford e a Fundação Rockefeller são dois exemplos importantes desse tipo de instituição de "caridade". Elas estavam fortemente envolvidas no apoio a várias potências comunistas, quando a Guerra Fria estava no auge. O comunismo versus o capitalismo é igual a 'corrida armamentista' que, por sua vez, significa mais dinheiro e poder para os Illuminati.

Os Illuminati utilizam uma teoria desenvolvida por Hegel, que é: 'Tese versus Antítese - Síntese' criando duas forças opostas, e colocando-as uma contra outra.

Toda força tende a ter uma contraforça oposta. O conflito entre as duas, resulta em uma situação, a síntese. Os Illuminati trabalham para que exista a síntese. Dessa forma, eles utilizam das situações "capitalismo vs. comunismo", "ocidente cristão vs. oriente islâmico", e assim por diante.

A inserção de certos grupos de imigrantes, nos países alvo, é uma variação deste processo de dividir e governar. Cada grupo pode ser jogado contra o outro.

"Double talk (falar dubiamente)" e "double think (pensar dubiamente)". George Orwell sabia instintivamente o que estava acontecendo quando inventou estas duas expressões: quando um estadista diz 'nego categoricamente' significa 'isso vai acontecer daqui a pouco'. 'Paz' significa 'guerra'.

Dizer uma coisa e fazer outra é fundamental para os Illuminati. Eles acreditam que o público vai aceitar essas mentiras pela sua preguiça mental. Infelizmente, eles estão geralmente corretos.

"Mantenha-os ocupados, ocupados, ocupados... " Estamos tão ocupados com o nosso trabalho e com a nossa subsistência, que não entendemos, nem participamos das decisões e eventos que irão afetar de modo crucial o nosso futuro.

Quando um movimento de poder real é feito, geralmente o fazem em segredo e repentinamente. Estão preparados para a oposição, mas o conflito, na maior parte das vezes, não é necessário. A maioria das pessoas vem sendo treinada, há décadas, para ser passiva.

Os Illuminati fazem uso de seus homens de frente, em cargos importantes. Estes homens têm a característica de "obediência servil", uma vez que temem o poder da ordem e também porque não tem a 'ficha limpa'.

Outra maneira de agir Illuminati é o assassinato dos líderes de oposição, tão secretamente, quanto possível, simulando, sempre que possível, uma morte acidental ou natural. Se isso não for possível, devido a limitação de tempo, ou a outras circunstâncias, métodos mais brutais são utilizados.

.

Uma turba facilmente manipulável é o que eles acham necessário. Uma população mista, com a moral fraca, tradições fracas, baixos padrões educacionais e força de vontade do grupo fraca são o objetivo. Aqueles com aptidões especiais podem ser recrutados e treinados para servir tecnicamente os illuminati. A classe média deve ser eliminada, sendo reduzida a uma pobreza relativa.

Zombaria dos costumes e da moral das sociedades que mostram alguma resistência. "Amor livre", culto à juventude e escárnio das religiões cristãs e muçulmanas também se enquadram nesta categoria. "I don't give a rats ass about Jesus Christ (Eu não dou a mínima para Jesus Cristo)" é uma obra recente de um dos maiores astrod de Hollywood. Provavelmente, nem sabe o que está dizendo, o que faz dele um "idiota útil" para os Illuminati. Por sinal, um "idiota útil" é muito mais eficaz, do que um adepto consciente. Através destes meios de subversão, as sociedades e as nações são conquistadas.

A condução de uma guerra econômica implacável. Esta é a verdadeira guerra, que continua mesmo enquanto as bombas estão caindo e as balas estão voando. A parte importante da guerra é o controle da economia do inimigo, após o conflito. A crise econômica recente, dos países do Extremo Oriente é, na realidade, uma afirmação do poder econômico dos Illuminati.

Controle e exploração dos insumos da saúde pública. A venda de medicamentos é um enorme negócio, que gera mega-lucros. Matéria prima para operações e tratamentos médicos também pode ser muito rentáveis para as grandes empresas.

De fato, as grandes empresas farmacêuticas, têm muito interesse na saúde da população. Essas empresas, por intermédio do Departamento de Alimentação e Medicamentos dos EUA, tentaram suprimir a indústria de alimentos saudáveis. Nesse ponto, eles podem ter falhado, mas agora o jogo é controlar a venda dos alimentos saudáveis, de modo que eles só possam ser consumidos pela elite.

Usam também o argumento por difamação de caráter. O debate de fato é ignorado, enquanto os personagens são difamados. Esta é geralmente uma técnica muito eficaz. Assim, uma "campanha difamatória" pode facilmente desviar a atenção dos fatos.

Para concluir, é cada vez mais evidente que um governo mundial está se desenvolvendo, e muitos diriam que provavelmente não é algo ruim, mas antes deveriam questionar para que finalidade esta "nova ordem mundial" está sendo criada. Também não se perguntam sobre as consequências que advirão dessa unificação. Essas consequências (ou algumas delas) provavelmente serão:

• Aumentar os lucros para as grandes empresas, com o empobrecimento da classe média (que eles desprezam).

• Um rápido declínio nos padrões morais e a promoção da decadência social.

• Transitoriedade. trabalhos que não duram; bairros que não duram.

• Aumento dos níveis de criminalidade e violência.

• Declínio e extinção de serviços públicos; substituídos pelas empresas privadas - um bom serviço para os poucos que puderem pagar.

• Deterioração da saúde para o grosso da população, por causa do stress, alimentos de má qualidade aditivos alimentares engenharia genética, a poluição e as drogas. Só poderão ter uma boa saúde, aqueles que puderem pagar, ou seja, os ricos e bem informados.

• A diminuição progressiva dos governos nacionais, que terão poderes mais parecidos com os governos regionais de hoje.

No tempo certo, um líder mundial será anunciado. Uma pena, ele vai ter um cínico desprezo pela maioria da humanidade. Nós fizemos por merecer isso?

Conscendo Sodalitas


Súplica por Gaia

Nós, fráteres da Conscendo, sentímo-nos compelidos a expressar nossos desejos com o mental concreto e detalhar o que o causal suplica em sua pureza abstrata(continua)

Conscendendum

Há milênios, verdades importantíssimas e essenciais vem sendo ocultadas da humanidade. Uma humanidade sofrida, condicionada e hipnotizada pelos falsos valores (continua)

Planeta Conscendo

Existe, nesse mesmo instante, um planeta nos aguardando, um mundo do futuro já moldado pelo poder mental criador do Logos e de todos, que só não nos é acessível, pois ainda (continua)